vacinas.com.pt

Tétano

|
AAA
 

O tétano é uma doença aguda provocada pelo Clostridium tetani, uma bactéria produtora de esporos que podem persistir no solo durante meses ou anos.

A doença é adquirida por inoculação dos esporos nos tecidos, através de lesões (picadas, queimaduras, feridas), drogas injectáveis, ou mesmo após realização de procedimentos cirúrgicos sem condições de higiene adequadas. Os esporos germinam e produzem uma toxina que se fixa aos neurónios motores periféricos e que é responsável pelas manifestações clínicas do tétano.

Como sintomatologia associada à doença salientam-se as contracções musculares muito dolorosas, que estão na origem dos dois sinais típicos de tétano: a posição de opistótono e o riso sardónico (ou o trismo).

O diagnóstico é principalmente clínico e o tratamento deve ser realizado em meio hospitalar em unidades de cuidados intensivos. A mortalidade é mais acentuada em crianças e idosos.

Vacinação anti-tetânica

A vacinação anti-tetânica é a medida preventiva mais eficiente contra o tétano, e a vacinação de todos os adultos é um dos principais objectivos do Programa Nacional de Vacinação (PNV). Segundo o PNV, os indivíduos devem ser vacinados aos 2, 4, 6 e 18 meses de idade, aos 5-6 anos e 10-13 anos e, posteriormente, de 10 em 10 anos durante toda a vida.

 

Prof. Doutor Saraiva da Cunha



Prof. Doutor José Saraiva da Cunha
Director do Serviço de Doenças Infecciosas Hospitais da Universidade de Coimbra

 

|
AAA